Enquete

Você conhece a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa?



 

O Programa Saúde do Idoso (PSI) foi desenvolvido com a finalidade de ser o Instrumento Gerencial de Saúde do Idoso que possibilitará ao Ministério da Saúde executar as suas diretrizes em saúde do idoso, bem como instrumentalizar os gestores municipais e estaduais do Sistema única de Saúde do Brasil na tomada de decisões baseadas no conhecimento da realidade local.

O PSI utiliza o ambiente de internet, foi desenvolvido baseado em tecnologias que possibilitasse o acesso ao sistema pelas Estratégias Saúde da Família (ESF) usando conexão com a internet.

Para operacionalização do PSI, elaboraram-se as ferramentas de diagnóstico populacional de idosos em dois módulos:

 

1)    Módulo 1 - Sistema de Cadastro da população Idosa adscrita a ESF:

a.    Importação e Identificação dos Idosos cadastrados no Sistema Informação da Atenção Básica da ESF;

b.    Inserção dos dados do Castão de Saúde do Idoso no PSI através da digitação pelos profissionais da ESF.

c.    Inserção dos dados do Castão de Saúde do Idoso no PSI através da leitura óptica do cartão de resposta.

 

2)    Módulo 2 - Sistema de Diagnóstico da população Idosa:

a. Perfil de saúde da população a partir dos seguintes indicadores de saúde: demográficos, socioeconômicos, mortalidade, morbidade, fatores de risco;

b.    Identificação de Idosos adscritos a ESF considerados frágeis e em maior risco de hospitalização;

c.    Perfil funcional da população idosa atendida;

d.    Georreferenciamento dos indicadores de saúde por Área e Microárea da ESF.

 

3) Módulo 3 - Sistema de Apoio às decisão e planejamento da pessoa idosa:

a. Projeto terapêutico Singular (Protocolo de cuidado da pessoa idosa);

b. Projeto terapêutico coletivo da população idosa;

c. Rastreamento do idoso frágil.  

 

 
© 2018 MCT- CNPq - Projeto 401221/2005-9